Após xingar fotojornalista, secretário de Saúde da Bahia deixa o cargo

Angeluci Figueiredo, que já foi fotojornalista nos jornais Correio e A Tarde, sofreu a agressão após cancelar reserva do ex-secretário em seu restaurante no domingo (1º) 3 de agosto de 2021 Rângel Mendes

Nesta terça-feira (03/08), o secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas-Boas, foi exonerado do cargo. A decisão foi tomada pelo governador Rui Costa depois de vir à tona o xingamento machista, misógino e racista realizado no domingo (1º/08) contra a fotojornalista e proprietária de restaurante na Ilha dos Frades, Angeluci Figueredo.

Figueiredo, que já foi fotojornalista nos jornais Correio e A Tarde, foi chamada de “vagabunda” após cancelar reserva realizada pelo secretário em seu restaurante. De acordo com informações do site Metropole,  no domingo (1º/08), Vilas-Boas fez a travessia até a Ilha dos Frades e queria ter acesso ao empreendimento gastronômico. No entanto, a Capitania dos Portos, em virtude da instabilidade do tempo, recomendou a restrição de navegação na Baía de Todos os Santos. Com isso, a fotojornalista e chef explicou que o restaurante estava fechado e cancelou o atendimento. Irritado, Vilas-Boas invadiu o estabelecimento e ainda enviou as mensagens desaforadas.

O caso ganhou enorme repercussão, com parlamentares baianas e entidades civis, entre eles a OAB-BA, o Conselho Baiano de Turismo e o Sinjorba (Sindicato dos Jornalistas da Bahia), emitiram notas contrários à atitude do secretário. Jornais estaduais e nacionais também repercutiram  o episódio e destacaram a crise que Vilas-Boas trouxe para o governo Rui Costa (PT).

Exoneração

O comunicação de pedido de exoneração foi publicado por Vilas-Boas em sua conta na rede social Twitter, na tarde desta terça-feira (03/08). Ele ocupava o cargo desde janeiro de 2015. A solicitação foi aceita pelo governador Rui Costa.

Em carta distribuída nas redes sociais, o médico agradeceu a confiança do governador que lhe fez o convite e que “me deu a oportunidade de contribuir para uma verdadeira revolução na saúde visando atender a quem mais precisa”. Fábio também desculpou-se por episódios recentes envolvendo a empresária Angeluci Figueiredo.

O governador Rui Costa agradeceu pelo empenho com que o médico conduziu a pasta durante sua gestão. O substituto de Fábio Vilas-Boas será anunciado nos próximos dias. Interinamente, a Sesab será conduzida pela subsecretária Tereza Paim.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *