Jornalista se emociona ao falar sobre a morte do ator Chadwick Boseman

Jornalista Flávia Oliveira se emocionou ao falar da morte do ator Chadwick Boseman e a sua importância para a comunidade negra 31 de agosto de 2020 Redação

Durante o jornal GloboNews desse sábado (29/08), a jornalista Flávia Oliveira se emocionou ao falar da morte do ator Chadwick Boseman e a sua importância para a comunidade negra. O ator morreu hoje, aos 43 anos, vítima de um câncer de cólon após quatro anos de luta contra a doença.

Chadwick foi protagonista do filme Pantera Negra, entre outros, que deu voz as questões culturais e históricas dos povos africanos trazendo representatividade para o povo negro. “E a partir dessa perspectiva, Pantera Negra dialogou com essa estética, com essa filosofia, apresentando personagens negros, narrativas negras, ancoradas na ancestralidade, nas tradições africanas, mas projetando um futuro potente, próspero, afetuoso, de resistência, de orgulho. É isso que contém Pantera Negra e é isso que o Boseman encarnou como protagonista. Eu falo e me arrepio. É essa perda, esse luto, que estamos vivendo hoje. A despedida de um astro que significou muito para o nosso empoderamento”, comentou a jornalista.

Flávia encerrou o seu comentário visivelmente emocionada e com o gesto do “Wakanda forever”.

Fonte: UOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *