CazAzul realiza a primeira edição do Projeto Motin

Entre os dias 15 e 27 de março, acontecerão em formato online: fóruns, oficinas e cenas produzidas por grupos e artistas de diferentes regiões baianas. 4 de fevereiro de 2021 Denilson Soares

Entre os dias 15 e 27 de março, acontecerão em formato online: fóruns, oficinas e cenas produzidas por grupos e artistas de diferentes  regiões baianas.

O grupo CazAzul, sediado em Vitória da Conquista, apresenta a primeira edição do projeto Motin Bahia que se propõe a articular, formar e difundir o teatro no interior da Bahia. Entre os dias 15 e 27 de marco, acontecerão em formato online: fóruns, oficinas e cenas produzidas por grupos e artistas de diferentes regiões baianas.
“Queremos, principalmente, promover o encontro de coletivos e realizadores de teatro do interior da Bahia, criando uma rede que socialize e fortaleça suas práticas locais, além de difundir seus trabalhos artísticos”, explicou a diretora geral da Motin, Hendye Gracielle.
O projeto Motim vai levar à ribalta tanto manifestações artísticas dos realizadores teatrais com trajetória já consolidada como também de artistas e grupos que tenham experimentado novos limites do fazer teatral e as novas possibilidades cênicas mediadas pelos recursos audiovisuais.
Artistas e produtores teatrais interessados podem se inscrever de forma gratuita. Haverá inscrições para oficinas, fórum de debates e a mostra cênica. O regulamento está disponível no site da CazAzul. As obras produzidas no interior da Bahia inscritas serão selecionadas pela equipe de curadoria da Mostra e receberão cachê de participação. Além de duas cenas convidadas, serão selecionadas 18 obras para a mostra cênica online, que devem estar nos formatos: cenas para a tela ou leituras dramatizadas de textos autorais, com até 20 minutos de duração.

Confira as diferentes datas de inscrição: mostra cênica de1º a 20/02, oficinas de 22 de fevereiro a 5 de março e do fórum de 22 de fevereiro a 15 de março. Mais informações sobre a programação da Motin poderão ser acompanhadas no instagram @cazazul e no Facebook @cazazulteatroescola ou no site oficial http://cazazul.com.br.

Fazem parte de equipe da Motin Bahia: Hendye Gracielle (direção geral e produção), Maria Aparecida de Souza (coordenação da mostra cênica), Joanne Vale Ribeiro (coordenação das oficinas), Hannah Abnner (coordenação do fórum). A direção artística é de Adriana Amorim. O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia por meio da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultural do Ministério do Turismo, Governo Federal.

Fonte: Assessoria de Comunicação/CazAzul

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *