Polícia Militar irá cumprir decisão de Rui Costa sobre o toque de recolher apesar das mudanças do decreto municipal

Enquanto o decreto estadual define o funcionamento do transporte coletivo até 20, o municipal vai até as 22h 14 de abril de 2021 Gabriela Oliveira

Nesta quarta-feira (14/04), o Comando de Policiamento da Região Sudoeste (CPRSO) informou, por meio de nota, que a Polícia Militar vai continuar seguindo o Decreto Estadual, que determina o toque de recolher das 20h às 5h, e não a decisão da Prefeita de Vitória da Conquista que ampliou o horário do transporte coletivo até 22h.

No último domingo (11/04), o governador da Bahia, Rui Costa, publicou um decreto estadual com a prorrogação das medidas de prevenção à covid-19. As regras a serem cumpridas são de restrição de locomoção noturna, vedados a qualquer indivíduo a permanência e o trânsito em vias, equipamentos, locais e praças públicas, das 20h às 5h, com validade de dia 5 de abril até 19 de abril de 2021.

Já a prefeita Sheila Lemos estabeleceu por meio de um decreto municipal que o toque de recolher começa às 22h e autoriza a venda e consumo de bebidas alcoólicas na cidade, o que desacata o decreto estadual. Segundo a Polícia Militar, a intenção de cumprir rigorosamente essa medida é para “salvaguardar vidas, frente à pandemia do novo coronavírus”.

Durante o programa Papo Correria da última terça-feira (13/04), o governador demonstrou indignação com a atitude da Prefeitura da terceira maior cidade da Bahia. “Não dá pra entender. Em Conquista todos os hospitais estão com mais de 90% de ocupação, 90%. A gente está adotando uma medida simples, de fechar de 20h da noite até 5h da manhã, só. E mesmo assim a gente encontra dificuldade.”

De acordo com a atualização do Boletim Epidemiológico desta terça (13), a ocupação das UTIs covid-19 chegou a 95,7% no município.

Fonte: PMVC/GovBa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *