Pazuello pede para deixar o Ministério da Saúde, afirma o jornal “O Globo”

Já existem dois médicos cardiologistas cotados para substituir o general: Ludhmilla Abrahão Haijar e Marcelo Queiroga, presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia 14 de março de 2021

O ministro da Saúde, general Eduardo Pazuello, vai deixar o cargo nos próximos dias, informou notícia do jornal “O Globo” publicada neste domingo. Segundo o jornal, que cita fontes no Palácio do Planalto, o ministro alegou problemas de saúde para pedir a saída ao presidente Jair Bolsonaro.

O pedido de afastamento coincide com o auge da pressão de deputados do centrão, que buscam mudança no comando da pasta para um aliado, sob o argumento da má gestão de Pazuello durante a pandemia.

De acordo com “O Globo”, pessoas próximas ao presidente já entraram em contato com dois médicos cardiologistas cotados para substituir o general: Ludhmilla Abrahão Haijar e Marcelo Queiroga, presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia. O primeiro nome seria o preferido do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e de deputados do centrão.

Na foto: Pazuello, que se demitiu por problemas de saúde, flagrado hoje mesmo em supermercado de Brasília, comprando cerveja e carne pra churrasco. A foto saiu na coluna de Lauro Jardim.

Fonte: O Globo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *