17 de março de 2020

Foto de piso tátil no meio de uma rua em Conquista é VERDADEIRA

A obra foi realizada pela Prefeitura Municipal na rua A, no bairro Henriqueta Prates, e a imagem circulou pelas redes sociais e grupos de Whatsapp

Circula nas redes sociais, e principalmente no aplicativo de mensagem Whatsapp, fotos e vídeos que mostram uma obra realizada pela prefeitura de Vitória da Conquista no bairro Henriqueta Prates, zona oeste da cidade. As imagens compartilhadas denunciam a instalação de um piso tátil, utilizado para facilitar a locomoção de pessoas com deficiência visual, no meio de uma rua, onde passam carros e motocicletas, e não pedestres.

Um leitor do Avoador pediu à equipe do Xereta que checasse a veracidade da foto. Fomos até a rua A, no bairro Henriqueta Prates, e contatamos que, de fato, o piso tátil se encontra no meio da rua e não nas calçadas. No Brasil, a instalação dessa forma de acessibilidade e inclusão está descrita na Norma Brasileira 905/2004, que estabelece parâmetros técnicos de projetos, construções e instalações. Existe também o Estatuto da Pessoa com Deficiência que determina, desde 2015, o uso do piso tátil em espaços públicos urbanos.

 

A orientação é que os pisos sejam aplicados em superfícies pavimentadas e que se diferenciem em cor e textura do chão para facilitar a identificação. No caso da rua em Conquista, a instalação foi realizada em local inadequado, tornando o que era pra ser uma forma de acessibilidade em perigo para as pessoas com deficiência.

Entramos em contato, via e-mail e telefone, com a Secretaria de Comunicação (Secom) da Prefeitura em busca de uma entrevista com um responsável pela obra no bairro Henriqueta Prates. O objetivo era saber o motivo pelo qual o piso estava em local inadequado. Até o fechamento desta matéria, não recebemos nenhuma resposta do órgão municipal.

O Xereta atribui a esta checagem o selo de VERDADEIRO.

Foto de capa: Avoador

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *