Velório e enterro de Herzem Gusmão será neste sábado (20)

A Prefeitura de Conquista decreta luto de 8 dias na cidade 19 de março de 2021 Talisson Santos

O corpo do prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão, que morreu na quinta-feira à noite (18/03), em São Paulo, chega à cidade na manhã deste sábado (20/03). Do Aeroporto Glauber Rocha, mesmo tendo covid-19, a família irá realizar um velório na Casa de Eventos Mediterrâneo, que será restrito aos parentes e alguns amigos.

Herzem foi diagnosticado com a covid-19 em 7 dezembro, sendo internado sete dias depois no Hospital Samur de Vitória da Conquista, com complicações pulmonares provocadas pela covid-19. Em 26 de dezembro, ele foi transferido para o Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, e depois encaminhado para UTI. Como o período de transmissão da covid-19 está entre 10 a 15 dias, o corpo de Herzem Gusmão não transmite mais a doença. Por conta disso, a família decidiu fazer uma despedida.

A despedida da população do político conquistense será por meio de um cortejo fúnebre que vai percorrer avenidas da cidade. A saída está prevista para às 15h e vai passar pelas avenidas Charles Lemos, no Boa Vista, Juracy Magalhães, Deputado Ulysses Guimarães e Integração. Durante o velório no Mediterrâneio, as imediações ficarão interditadas para o trânsito de veículos para evitar aglomerações.

Depois do percurso pela cidade, o corpo seguirá para o Cemitério da Saudade, onde será realizado o sepultamento, às 16h, no jazigo da família Gusmão. O acesso ao local também será restrito à família.

Em virtude da morte de Herzem Gusmão, a Prefeitura de Vitória da Conquista, decretou luto por oito dias na cidade. Nesta sexta-feira (19/03) dia 19 de março, estiveram suspensas as atividades na administração direta e indireta, somente os serviços públicos essenciais foram mantidos, como o Hospital Esaú Matos.

Corpo de Bombeiros

Após surgirem informações de que o Corpo de Bombeiros teria se negado a fazer o cortejo do corpo do Herzem Gusmão, a corporação do 7º Grupo de Bombeiro Militar (GBM) de Conquista se manifestou nas redes sociais. Segundo a nota, o 7°GBM “não recebeu nenhuma solicitação formal para que as viaturas da unidade acompanhem o cortejo de despedida ao prefeito, que vai ser realizado neste sábado (20)”. Foi informado ainda “que devido às restrições relacionadas ao COVID não está participando, em nenhum local do Estado, de cortejo fúnebre, para não expor a população e os bombeiros ao risco de contaminação”.

Fonte: PMVC

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *