Brasil chega a 150 mil mortes e Conquista perde mais três vidas para a covid-19

O total deste sábado é de 150.023, em meio a 5.073.483 de casos no total, incluindo as ocorrências não letais 10 de outubro de 2020 Janaína Borges

Brasil chegou neste sábado (10/10) à marca de 150 mil mortes pela covid-19 em todo o país. Entre essas perdas de vidas, 161 são de Vitória da Conquista que só hoje contabilizou três óbitos.

O número total de mortos no país foi levantado pelo consórcio de veículos de imprensa que realiza a contagem independente do número de mortos. Além do GLOBO e Extra, integram o consórcio G1, Folha de S.Paulo, O Estado de São Paulo e UOL. O índice foi registrado em um momento de queda no pico da doença. No entanto, segundo o boletim, o ritmo de redução é considerado lento.

O total deste sábado é de 150.023, em meio a 5.073.483 de casos no total, incluindo as ocorrências não letais. Segundo o Ministério da Saúde, o Brasil tem 5.082.637 casos confirmados da doença e 150.198 mortes registradas. Os casos recuperados somam 4.453.72.

Em números absolutos, o estado de São Paulo lidera o ranking de vítimas fatais com 37.223 registros, seguido pelo Rio de Janeiro, com 19.284, Ceará (9.130), Pernambuco (8.408) e Minas Gerais (8.061). Quanto ao número de casos, em 24 horas foram 26.749 novas confirmações.

Já em Conquista uma mulher e dois homens foram registrados como vítimas fatais neste sábado. A primeira delas é uma mulher de 91 anos, que estava internada no Hospital Geral De Vitória da Conquista (HGVC) desde o dia 20 de setembro. A segunda vítima é um homem de 57 anos que foi internado dia 28 de setembro no HGVC. Ele morreu na última sexta-feira (09/10). A outra vítima é um homem de 56 anos e estava HGVC desde o dia 11 de setembro e faleceu também na última sexta-feira (09/10).
.
De acordo ao Boletim Epidemiológico divulgado pela Prefeitura de Conquista, o município teve 60 novos casos confirmados da covid-19, somando 8.806 casos até o momento. Desse total, 445 pessoas ainda estão com a doença ativa. A taxa de ocupação das unidades de terapias intensivas (UTI’s) é de 62,9%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *