Herzem Gusmão mantém fechamento do comércio para a próxima semana

A decisão é para lojas, bares, restaurantes, escolas, faculdades, cinemas, academias e outros estabelecimentos comerciais 29 de março de 2020

O prefeito de Vitória da Conquista, Herzem Gusmão, divulgou na manhã de hoje (29/03) sua decisão de manter lojas, bares, restaurantes, escolas, faculdades, cinemas, academias e outros estabelecimentos comerciais fechados. A decisão também mantém a suspensão de qualquer evento acima de 150 pessoas.

Segundo o prefeito, a decisão segue as determinações do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde para minimizar os possíveis impactos e proteger a população da epidemia de coronavírus. “Nós vamos permanecer com essas restrições e pedindo a compreensão da cidade. Nós estamos assustados, todos preocupados. Vamos continuar em casa, e a higiene é fundamental.”

Apenas as empresas de serviços considerados essenciais vão ter autorização para permanecer abertas. Os detalhes da medida poderão ser conferidos no decreto que será publicado, ainda hoje, no Diário Oficial do Município.

Até o momento, Conquista não tem nenhum caso confirmado da covid-19 registrado oficialmente. Na última atualização da Secretaria de Saúde, no sábado (28/03), eram 151 casos notificados, 43 que aguardavam resultado, 44 que foram descartados e 64 casos esperavam a coleta.

Outro decretos

Anteriormente, quatro outros decretos foram assinados pelo poder municipal como medidas de prevenção ao coronavírus. Na quinta-feira (26/03),  o prefeito tinha assinado o decreto que flexibilizou a abertura de alguns setores do comércio local a partir de sexta-feira (27/03). Entre os estabelecimentos liberados, estão aqueles relacionados à construção civil, hotéis, pousadas e até concessionárias de carros. No domingo (22/03), foi a data que saiu Diário Oficial do município o decreto que determinava o fechamento do comércio de Conquista, entre os dias 23 e 29 de março.

Na quarta-feira (18/03), houve a publicação do segundo decreto que estendia a suspensão para atividades em cinemas, shopping centers, academias, teatros, casas de espetáculos e bares. Também houve a normatização sobre os passageiros no transporte coletivo e a exigência de higienização dos ônibus. Na segunda-feira (16/03), foi publicado o primeiro decreto com a suspensão das atividades por 15 dias de escolas municipais e de estabelecimentos privados de ensino que atuem no município, incluindo universidades e faculdades particulares.

Vídeo: PMVC

Foto: Joanne Luisa Teixeira Nogueira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *